Lugares & Paladares

Voltando a Buenos Aires!

Por Alexandre Massoti – 09/Sep/2015



O tempo passa, mais um 7 de setembro se foi, e nossa vizinha Buenos Aires continua sensacional. Na primeira vez que escrevi do carinho que eu sinto por essa capital, há pouco mais de um ano, não tive "tempo" de falar sobre coisas mais práticas, e é o que vou tentar fazer agora.

Elogiar seu povo e o modo como nos tratam quando vamos visitar sua cidade é algo muito importante pra mim, e eu perderia horas divagando sobre isso, mas hoje me propus a dar dicas mais concretas.

Onde eu me hospedaria? Há algum tempo que não vejo mais o centro da cidade como o lugar mais interessante pra ficar. As redondezas da Rua Florida não me despertam tanto interesse como em outros tempos, em compensação dois lugares ficaram meus favoritos. Puerto Madero é um deles, especialmente por ser uma região BEM turística. Cheio de restaurantes em volta, ali onde desemboca o Rio de la Plata, passear à pé a qualquer hora do dia ali é uma delícia. Fora que as opções de hospedagem são excelentes, incluindo um dos melhores hotéis do hemisfério sul, o Hotel Faena. Ocupa uma área de 25 mil metros quadrados, o prédio foi salvo de ser demolido por associações culturais locais e depois passou por uma reforma de 40 milhões de dólares para renascer como essa maravilha de hotel. Todo a decoração de seu interior é assinada pelo famoso Philippe Starck.

A outra área muito bacana para se hospedar é o bairro de Palermo, principalmente nas regiões chamadas Palermo Soho e Palermo Hollywood. Antes era uma área mais residencial, mas hoje já tem outras tantas opções de hotéis, incluindo o Mira Vida Hotel. Esse encaixa como uma luva no termo "hotel boutique", já que tem só seis quartos, todos com enormes varandas e alguns com pé direito duplo, numa construção de 1930 todinha restaurada. Parece que você está dormindo em um filme de
época. Fora que fica a distância de poucos metros de um MONTE de restaurantes bons, como o Don Julio. Esse é um clássico que TODOS os que vão a Buenos Aires deveriam conhecer.

Mais fácil fazer uma reserva para pegar uma mesa boa, ou chegar cedo e não amargar vários minutos na fila. Estilão rústico, cadeiras pesadas de madeira e paredes forradas de garrafas de vinho. O famoso bife de chorizo foi uma das
coisas mais sensacionais que comi na vida. O garçom cortou com a COLHER pra me mostrar como estava macio. Por dentro, chorei de emoção...

E mais uma região da cidade em que o exercício de caminhar é mais um passeio do que qualquer outra coisa é a elegante Recoleta. Tem também aquele "ar-residencial-quatrocentão" com as ruas arborizadas e uma sorveteria melhor que a outra em cada esquina. A sorveteria "Volta" é a minha preferida, e se me permite indicar, o de doce de leite é de
tomar ajoelhado. Visitar o famoso Cemiterio da Recoleta fica por conta de suas preferências. Eu não entendi como um cemitério poderia ser algo tão visitado, mas tem túmulos que de tão bonitos e importantes, são considerados monumentos históricos nacionais. No mínimo curioso!

Dica da Semana:
Don Julio Parrilla
site: www.parrilladonjulio.com.ar
porque: fica no bairro lindíssimo de Palermo Soho, e você vai comer
uma das melhores carnes da sua vida!
detalhe: além das carnes, a sobremesa de cheesecake de chocolate
branco é qualquer coisa de outro mundo...